sábado, 11 de junho de 2016

Mensagem de Mercúrio em Touro

O Alimento Oco


Não há deficiência Vegetal sem a prévia deficiência Mineral;
Não há deficiência Animal sem a prévia deficiência Vegetal;
Não há deficiência Humana sem a prévia deficiência Animal;
Não há deficiência Anímica sem a prévia deficiência Humana;
Não há deficiência Espiritual sem a prévia deficiência Anímica;
Não há deficiência Consciencial sem a prévia deficiência Espiritual;
Não há deficiência Existencial sem a prévia deficiência Consciencial;
Não há deficiência Vivencial sem a prévia deficiência Existencial.
Não há deficiência Real sem a prévia deficiência Virtual.
Não há deficiência Alimentar sem a prévia deficiência de Inteligência;
Não há deficiência de Inteligência sem o prévio Deficit de Atenção;
Não há Deficit de Atenção sem a prévia Hiperatividade;
Não há Hiperatividade onde há Encontro.
Não há Encontro onde não há Escuta;
Não há Escuta onde há apenas Razão.
Esse é o Caminho sem Coração.
O Alimento Oco é aquele que, de nutrientes, para não dizer Nada, têm muito pouco,
é o resultado desse Processo Degenerativo através do qual todo Alimento perde seu Poder Nutritivo e, consequentemente, seu Poder Regenerativo, seu Princípio Ativo e seu Dom da ReCriação.
O Negócio da Monocultura, que nega o Ócio e a Criatura, está com os dias contados, pois há muito está condenado como Grande Produtor de Pragas, sem sentido e sem conexão, na larga escala que esmaga, sem inteligência, sem congruência, a Escalada da Degeneração, a Entropia que exaure toda Energia e conduz à Autodestruição, num ritmo que abala,
num Caminho sem Alma e sem Coração.
A Agroecologia é o Novo Advento que tem, na Permacultura, seu Alicerce e Sustento,
protagonista de um Novo Momento e um Antigo Novo Movimento:

o Resgate do Verdadeiro Alimento, da Inteligência e da Congruência, o Caminho da Arte de Viver Bem, pelo Cultivo da PazCiência, a Escalada da Regeneração, a Sintropia que Gera Energia e produz um Sistema ReCriativo de Auto Reconstrução, no BioRitmo que embala o Passo, o Compasso e o Abraço, na Sagrada Cadência da Gratidão, a Via Sacra da Calma do Coração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário