terça-feira, 1 de novembro de 2011

Mensagem de Vênus por Plutão

Relacionamento (parte 2)

"Cometi o pior dos pecados que um homem pode cometer.
Não fui feliz" 
(Jorge Luis Borges)

As sombras que nos assombram e aos nossos relacionamentos são as forças do passado que engendram o futuro, tirando-nos a Graça do Presente e o Poder da Presença.
A projeção e a possessão são nossos ferrenhos inimigos, o que significa projetar no outro e ser possuído por sua sombra e pela própria sombra, projetar no outro o dragão de dentro e ser possuído pelo dragão de dentro do outro. Somos possuídos pelo que alimentamos, somos paradoxalmente assombrados pelo que desejamos, por nossas próprias criações e criaturas que ganham força e espaço na medida do alimento que lhes ofertamos a partir do nosso olhar, a partir do nosso jeito de amar. Porém, não se trata de matar ou eliminar o dragão, mas de cativá-lo e, dessa forma, tê-lo como o grande aliado que vai te ajudar a tornar-se sujeito da própria existência, dos próprios relacionamentos, da própria experiência e dos próprios tormentos.
Então, você fica maior do que o dragão, sem jamais negá-lo,
pois quando você ama o inimigo não há mais inimigo.

E o inimigo (amigo dentro) passa a ser o sustento do teu relacionamento.

Sugestão de leitura: "Educação para todas as Vidas" (Mauro José Santin)

3 comentários:

  1. Teu blog tá muito legal, mano. Vai em frente. adorei os textos recentes. bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Graças por tua Graça, amada irmã!!
      Tu acreditas que vi teu comentário somente agora?!?!?!
      Quase dois anos depois!!!!
      Aliás, somente agora estou começando a me inteirar do funcionamento do blog e do facebook, pois, na época, eu apenas escrevia!
      Ou talvez eu tenha te respondido por outras vias?!?!
      De qualquer forma, tenho tocado em frente, como comentaste, e tenho escrito para alentar meu coração e buscar a compreensão de mim mesmo, desse Ser que me habita e que, por vezes, me escapa; dessa Poesia que me RE-inspira e que, o tempo todo, tira-me a capa!
      Te abraço e te abençoo de todo meu corpo, de toda minha alma, de todo meu entendimento!
      Te vejo.

      Excluir
    2. Graças por tua Graça, amada irmã!!
      Tu acreditas que vi teu comentário somente agora?!?!?!
      Quase dois anos depois!!!!
      Aliás, somente agora estou começando a me inteirar do funcionamento do blog e do facebook, pois, na época, eu apenas escrevia!
      Ou talvez eu tenha te respondido por outras vias?!?!
      De qualquer forma, tenho tocado em frente, como comentaste, e tenho escrito para alentar meu coração e buscar a compreensão de mim mesmo, desse Ser que me habita e que, por vezes, me escapa; dessa Poesia que me RE-inspira e que, o tempo todo, tira-me a capa!
      Te abraço e te abençoo de todo meu corpo, de toda minha alma, de todo meu entendimento!
      Te vejo.

      Excluir